VilmaSouza

Sejam bem vindos sempre.
Este Blog possui fotografias artísticas e artigos de direitos autorais, repeite-os. VS

25 de setembro de 2009

DIA NACIONAL DO TRÂNSITO

Imagem: Internet

Bafômetro


Outro dia fui a uma despedida de solteiro de um
grande amigo meu numa chácara afastada da cidade.
Caixas e mais caixas de cerveja.... isso sem contar
os destilados... whisky, cachaça, etc... tava bão
demais sô!
Quando voltava para casa, para minha infelicidade,
passei por uma blitz da PM à entrada da cidade...
não deu outra... fui 'premiado'!
Estava num estado tão lastimável, que quase cai ao
sair de dentro do carro.... mal conseguia andar.
Fora do carro, exatamente no instante em que os
polícias me pediram para soprar no bafômetro... do
outro lado da estrada um caminhão se envolve numa
colisão e espalha toda sua carga pela rodovia... foi
minha sorte! Os policiais foram atender ao
acidente e me dispensaram. Entrei no carro e saí
de lá rapidinho (dentro do possível! hic)... todo
pimpão! todo contente! era meu dia de sorte!!
No dia seguinte, logo cedo, umas 10 da manhã, minha
mãe me acorda e pergunta:
- Escuta, você sabe me informar o que faz um carro
da Polícia Militar estacionado em nossa garagem?

Lá se foi minha sorte....

(AUTOR DESCONHECIDO)


Com o crescimento da população e o grau cada vez maior de urbanização, a tendência é de que o trânsito nas cidades se torne cada vez mais intenso. Como trânsito, entendemos a movimentação de pedestres, carros, bicicletas, ônibus, motocicletas, caminhões - este vai-e-vem nas ruas que, justamente por não parar de crescer, exige regras que precisam ser cumpridas para que todos possam ir e vir sem problemas.

Por isto, existem não só os deveres dos motoristas, como também os dos pedestres. Engana-se quem acha que o pedestre é o dono da rua: pode ser multado por atravessar fora da faixa, ou em vias em que o acesso de pedestres é proibido, por exemplo.

A melhor maneira de um cidadão se comportar em um trânsito é com consciência. Conhecendo e respeitando as leis, evitam-se acidentes e cada um usufrui seus direitos - a pé, motorizado ou pedalando! (http://www.ibge.gov.br)

Mas além de conhecer as leis deve-se ter ética, responsabilidade, consciência, gentileza e muito discernimento.
Então vamos fazer a nossa parte, sendo um cidadão que se converte a fazer do trânsito algo benéfico e não um lugar onde tudo pode acabar, inclusive a sua existência. (V.S)

4 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA VILMINHA, VENHO DESEJAR-TE UM BELO FIM DE SEMANA... ABRAÇO-TE COM CARINHO,

FERNANDINHA

Mundo dos bruxos disse...

bela conscientização amiga!!!
estou na correria dessa faculdade !!
mas é assim mesmo!!!
o profe ta em terra roxa,semana q vem volta pra Ctba,depois retorna pra cá...agora qm está na correria sou eu!!espero q esteja ótima e depois lhe conto as novidades e os planos..claro , preciso como sempre de seus conselhos lindos!!!saudadeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

acho q esse fim de ano vc terá 3 visitinhas a mais,kkkk

COISAS DO MARIO disse...

Ótimo, Vilminha, sempre me sinto bem quando passo pelo teu Blog. Parabéns. Mario

Eliel Miranda disse...

Boa..história!